Nokia Christmas

I love this kind of marketing where a company deliberately tells us to stop using the same product they are trying to sell. It reminds me of the Heineken ads on F1 races telling us not to drink.

Now if only Nokia started doing great phones again, that would be awsome. I have great memories of Nokia phones after having several models through the years, when Nokia was king of the mobile phone market. I felt for Nokia at the time what I now feel about Apple.

Will Nokia rise from the ashes someday? Let’s hope so. I have high hopes about the soon to be announced Nokia 9.

Anúncios

No Makeup

Ontem estava a passar um teledisco da Alicia Keys no VH1 e ela estava diferente, quase irreconhecível. Demorei algum tempo a perceber que ela estava sem maquilhagem e portanto parecia uma pessoa “normal”, não uma diva musical.

Por curiosidade fui procurar alguma coisa no Google sobre a Alicia Keys e descobri que ela aderiu ao movimento No Makeup e deixou de usar maquilhagem. O resultado pode ver-se na capa do seu último disco:

Quem diria que esta é a mesma Alicia Keys que em 2012 lançava o álbum Girl on Fire?

Resultado de imagem para alicia keys girl on fire

Eu digo já que mulheres maquilhadas não fazem o meu género, sobretudo aquelas que abusam da dita maquilhagem. Mas não é suposto estas super-estrelas serem pessoas fora do normal, diferentes, modelos de perfeição e beleza?

Não digo que a Alicia Keys não seja interessante “ao natural”, pois claramente que o é. Mas também o são muitas outras mulheres que vemos no dia-a-dia. Todos sabemos que o Photoshop faz milagres e não há mulheres perfeitas, mas não poderemos sonhar um bocadinho?

Portanto, por muito que admire e aprecie a verdadeira Alicia Keys, continuo a preferir a Alicia Keys produzida e maquilhada.

Brain Drain: The Mere Presence of One’s Own Smartphone Reduces Available Cognitive Capacity

É incrível como em poucos anos as nossas vidas se transformaram por causa dos smartphones. E agora, aos poucos, vão-se descobrindo os seus malefícios, como por exemplo o descrito neste estudo:

One’s smartphone is more than just a phone, a camera, or a collection of apps. It is the one thing that connects everything—the hub of the connected world. The presence of one’s smartphone enables on-demand access to information, entertainment, social stimulation, and more. However, our research suggests that these benefits—and the dependence they engender—may come at a cognitive cost.

Basicamente ficamos mais burros à beira de um smartphone.

Wishlist: Vanmoof Electrified S

O The Verge testa a nova Vanmoof Electrified S, versão 2017. Para quem não conhece a Vanmoof, trata-se de um fabricante Holandês de bicicletas, cuja versão Electrified S, como o próprio nome indica, é eléctrica.

As bicicletas têm um design minimalista e, a meu ver, com muito bom aspecto. Apenas são vendidas directamente pela Vanmoof no site oficial ou nas lojas da própria marca. Para quem compra pelo site não existem custos de envio e a marca envia para Portugal.

The Wolf – The Hunt Continues

A HP lançou este vídeo com a continuação da “saga” The Wolf, lançada há umas semanas atrás (link para o primeiro vídeo da história) e que é interpretada pelo Christian Slater, conhecido ultimamente pelo seu papel na série Mr. Robot:

Apesar de apresentar um cenário catastrófico e que pode parecer improvável, não há dúvida que hoje em dia a ciber-segurança deve ser levada muito a sério e este tipo de vídeos, publicidade à parte, servem para nos alertar para este problema.